Total de visualizações de página

domingo, 1 de janeiro de 2012

Capitulo 4

Era natural que ela fosse cautelosa com os homens, considerando o que tinha acontecido, reconheceu Nick. Demi precisava de sua proteção. Necessitava sentir-se segura para poder apreciar a feminilidade e a beleza que possuía. E ele lhe daria essa segurança, tanto quanto daria a Oliver um lar seguro, assim como tentara proteger os irmãos. Proteger os outros fazia parte de seu caráter e de seu destino.
Como seria saber que quando os braços de um homem a envolviam daquele jeito ela estava segura e podia confiar nele?
Como deveria ser deitar a cabeça contra o peito de um homem e saber que sua vulnerabilidade seria respeitada e sua necessidade respondida?
Apenas por um segundo Demi permitiu que aquelas perguntas penetrassem em seus pensamentos... deixou suas próprias respostas inundarem seu coração.
Uma tempestade de emoções a preencheu, fazendo com que se sentisse muito fraca para mexer-se. Uma vontade de virar a cabeça e inalar o aroma da pele de Nick, sentir as batidas descompassadas de seu próprio coração, que não tinham nada a ver com medo naquele momento, a dor pungente que parecia ter-se infiltrado em todas as partes de seu corpo, bem no íntimo de seu ser.
Todas aquelas coisas eram novas para ela, e de alguma forma, ao mesmo tempo, conhecidas.
O avião havia se nivelado e estava voando suavemente outra vez.                                                           
Ollie acordou e chorou baixinho.                          
De volta à realidade, Demi tentou livrar-se do abraço de Nick. Estava tremendo violentamente, com o medo de sua própria reação a ele escurecendo-lhe os olhos.
Vendo aquele medo e contundindo sua causa, Nick perguntou, incrédulo:
— Você está com medo de mim?
Demi não podia falar. Culpa e medo a dominaram.
— Isto é o que Joseph fez com você, não é? Deixou-a com medo de todos os homens. — Demi não podia encará-lo. — Você não precisa ter medo de mim — disse Falcon gentilmente quando a libertou. — Dou-lhe minha palavra que na L.A, na terra dos Jonas, você sempre será tratada com respeito.
Ela deveria acreditar e confiar nele? Queria muito.
Assim como quisera que ele continuasse a abraçá-la? Culpa tomou conta de Demi. Não! Isso não era verdade. Não quisera aquilo. Não havia perigo de envergonhar-se por um comportamento provocativo.
Demi entrou em pânico e suas mãos tremiam quando ela estendeu-as para Ollie.
Silenciosamente, Nick a observou. Ela estivera tão vulnerável nos seus braços!
Joseph a havia prejudicado terrivelmente. Como um passarinho com a asa quebrada, Demi precisava de proteção até que estivesse completamente recuperada e fosse capaz de voar de novo.
Originalmente, ele acreditara que seu único dever era para com o filho dela, mas estivera errado, percebia agora. Demi precisava tanto de seus cuidados quanto o filho. Agora que estava consciente disso não poderia ignorar o fato.
Nick tinha o dever de cuidar dela, e ele o faria. Custasse o que custasse.

6 comentários:

  1. OMG POSTA LOGO POR FAVOR *-*

    TA MT PERFEITO *O*

    ELES ESTÃO SE AMANDO NÃO É?

    -XOXO

    ResponderExcluir
  2. Heeey again!
    Comecei em fim minha fic heart of revenge! Poderia acessar? se gostar, poderia divulgar *.*? xoxo e agradeço de <3.

    http://our-love-game.blogspot.com/2012/01/estreia-heart-of-revenge.html

    ResponderExcluir
  3. Lindo demais. Quem me dera ser abraçada pelo Nick.

    Serio, eu amei. Vou divulgar você no meu blog :D

    Posta logo,OK?

    ResponderExcluir
  4. Quanhou um selinho nemi: http://nemihistoria.blogspot.com/2012/01/aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah.html

    ResponderExcluir
  5. Oiie, Estou no começo do blog e queria alguns seguidores, será que pode divulgar?>> http://jemi-nos-vamos-ser-um-sonho.blogspot.com/

    Obrigadinha!♥

    ResponderExcluir
  6. oooooi fofa, nova seguidora! será que podia divulgar meu blog? http://fanfic-jemierobsten.blogspot.com/ eu e minha amiga acabamos de fazer.

    ResponderExcluir